sábado, 2 de outubro de 2010

"O VOO DAS BORBOLETAS"

A beleza das coisa está mais no que conseguimos, do que naquilo que está à nossa volta. A violação dos códigos de honra, as cedências que somos obrigados a fazer, a desilusão por voltarmos tantas vezes à estaca zero, a hipocrisia com que chefes tratam os seus subordinados, só porque tem o estatuto de chefes, quando na verdade não passam de burros ao quadrado, porque não tem sequer a humildade de assumir um erro e isto por falta de competência para assumirem o seu cargo, como para resolver o seu erro. A injustiça ´e as inverdades  da vida sempre me doeram muito.
Há cedências terríveis, mas por vezes necessárias, que nos afastam das nossas verdades simples: mas, há muito mais grandeza numa cedência do que no autoritarismo que apenas serve para vincar as distâncias, mas nunca os valores. Não posso sentir que minha vida fique nublada; não serei nunca prisioneira da incompetência, nem do medo, que sistematicamente é aplicada para mostrar quem manda.
Serei observadora, mas nunca calada: serei atenta, mas nunca arrogante: serei lutadora mas nunca injusta; serei suave mas nunca serei capacho de ninguém. Voarei sempre com a liberdade das borboletas.
Hoje não sei o que me doí?
Apenas quero voar o voo das borboletas.

Quero ser borboleta e voar até ao sol
Tocar as estrelas e mergulhar até ao mar
Quero ser a borboleta e o caracol
Quero voar andar na terra e descansar.
Quero ter a força dos dinossauros
Estar atenta e ter a sabedoria
Suficiente para nunca ser injusta
Quero ter dor mas muito mais alegria
Lavar minha alma nos lagos de água pura.
Sou mulher, sou humana a vida doí
Mas a luta é uma constante morrerei
De pé como as árvores, o moinho moí
Mas eu como a borboleta voarei.
Não! não afundarei as minhas verdades
Voarei pelas mais altas montanhas
Aos ventos gritarei das minhas vontades
Justiça até ao desgaste das minhas entranhas.

(Angelina Alves)


7 comentários:

♣ Ąηηα ♣ disse...

Olá mamae.... cá estou eu agora aqui nestas paragens!
Pois qual voo e Borboleta.
Espero que estejas bem
Saudades
Beijinhos

Dina Rodrigues disse...

Como uma borboleta, voei até aqui... e encontrei este lindo Espaço! (não sei se é assim que se chama por aqui "Espaço" é a força do hábito a falar)
O meu também se há-de fazer, o 1º passo já dei!

Angelina, beijinho grande!
Dina

Liz disse...

Querida Angelina, passei por aqui e gostei... muito, como sempre!
Beijinho

Centelha Luminosa disse...

Angelina amada !!
Bom demais vir aqui no seu espaço poético! Roubaram-nos os spaces, mas jamais roubarão a nossa vontade, nossa disposição de escrever e publicar em outros espaços, não é mesmo?
Lindas poesias, lindas imagens, e linda amiga!
Me parece ter visto ao lado , lá em cima uma "homenagem à Lu...é ? heheheh, ou é outra Lu...??? Se for outra, trate imediatamente de me homenagear também, se for eu, já agradeço de alma e coração!!
Ando tendo trabalhos com meu blog, Angelina, a nossa amiga Nati tem me ajudado, mas, a falta de paciência e de tempo, me impedem de caprichar no visual do meu espaço...Poxa!

Bjos e abraços da amiga de sempre!
Obrigada pela visita, hein!
LU...

MEU MUNDO FANTASY disse...

BOA TARDE MINHA QUERIDA
A vida na terra é
Somente uma passagem
Alguns vivem
Como se fossem ficar
Eternamente
E esquecem de ser feliz
Que sejas feliz
Saudades
JUDDY

MEU MUNDO FANTASY disse...

BOM FIM DE SEMANA
»»»»»AMIZADE QUERIDA«««««
Sorria com o coração aberto
Para que você possa enche.lo de ,
Amor,esperança e muita fé

FICA NA PAZ DO SENHOR

BEIJOS E ABRAÇOS..
JUDDY

Anónimo disse...

Essas palavras parecem que tem saudade. Adorei ter visitado seu blog. Doce e inspirador para mim.
Parabéns!!

Paty Magu

http://inebriarempoemas.blogspot.com/